Caixa passa a financiar despesas com cartório e ITBI no crédito imobiliário

Segundo a instituição, podem ser incluídas taxas de registro e escritura, até o limite de 4% do empréstimo tomado
Por Gladys Ferraz Magalhães 
SÃO PAULO – Os tomadores de crédito imobiliário da CEF (Caixa Econômica Federal) podem, desde a primeira semana de dezembro, financiar despesas com cartório e ITBI (Imposto sobre Transmissão de Bens Imóveis) ao contratar empréstimo para a compra do imóvel. 
De acordo com a instituição, podem ser incluídas taxas de registro e escritura, dentre outras despesas cartorárias e de ITBI, até o limite de 4% do empréstimo tomado. Vale lembrar, que os valores destas despesas variam conforme a localidade onde o cartório estiver situado.

Até a primeira semana de dezembro, a CEF alcançou R$ 93,7 bilhões em contratações do crédito imobiliário (Agência Brasil)
Crédito imobiliário
Na opinião do diretor executivo de Habitação e Governo da Caixa, Teotônio Rezende, a medida trará às famílias mais tranquilidade para obter o financiamento imobiliário. “Com esta nova opção, a Caixa amplia ainda mais o acesso à moradia própria, proporcionando planejamento e facilidade de pagamento das despesas”, argumenta. 
Até a primeira semana de dezembro, a CEF alcançou R$ 93,7 bilhões em contratações do crédito imobiliário, montante 33,1% superior ao registrado em igual período do ano passado. 


Fonte: infomoney
 

O Pregador Copyright © 2011 | Template design by O Pregador | Powered by Blogger Templates