No bairro do 1º estádio pronto para Copa, imóvel sobe 160%

Imóveis ao redor do primeiro estádio pronto para o Mundial apresentaram forte valorização
Foto: Getty Images
Quando, há cinco anos, a Fifa anunciou que o Brasil seria a sede da Copa do Mundo de 2014, criou-se uma grande expectativa quanto aos impactos que o evento traria para o país. Hoje, faltando pouco mais de um ano e meio para o início da competição, eles já podem ser percebidos em alguns locais, como nas proximidades do estádio Castelão, que foi reformado e tornou-se o primeiro a ficar pronto para receber o Mundial.

Desde a confirmação de Fortaleza como uma das 12 sedes da competição, os imóveis localizados no bairro que leva o nome da arena vêm passando por grande valorização.

"Aqui sempre foi uma região mais empresarial, nunca teve muitos prédios e nem grades atrações, como parques, praias, praças ou shoppings. Apesar disso, a Copa do Mundo despertou o interesse para o local, que começou a mudar seu perfil", conta a corretora Dirciley Riera, proprietária da Riera Imóveis, que atua na capital cearense.

Logo após o anúncio, tiveram início as obras não apenas no estádio Governador Plácido Castelo, mas também em avenidas e vias de acesso para a região. Ao mesmo tempo, muitas construtoras passaram a investir em empreendimentos no local, especialmente em condomínios. Contribui para ampliar o interesse pela região o seu fácil acesso ¿ de carro, são menos de 15 minutos até o centro.

"A valorização em toda a cidade está muito grande, mas no bairro do Castelão ela é maior ainda. Para se ter uma ideia, casas que ano passado custavam R$ 50 mil, este ano estão sendo vendidas por R$ 130 mil", exemplifica Dirciley. A alta, portanto, foi de 160% no período.

Mesmo terminada a arena, espera-se que a valorização continue, por conta das demais obras para o evento, como a chegada de metrô e hotéis nas proximidades.

"O reflexo disso está sendo direto, pois desde já começamos a receber ligações de moradores da região que desejam deixar suas casas durante a competição e alugar temporariamente para os turistas", diz a corretora.

Fonte: Terra notícias
 

O Pregador Copyright © 2011 | Template design by O Pregador | Powered by Blogger Templates