Imóveis financiados com recursos da poupança cai 8%

Da Folhaonline

Os imóveis financiados com recursos da poupança somaram 371,6 mil unidades entre janeiro e outubro deste ano, queda de 8% na comparação com o mesmo período do ano passado. Os dados foram divulgados nesta terça-feira pela Abecip (Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança).

Já em valor houve aumento de 1,9% no mesmo período, quando o crédito pelo SBPE (Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo) totalizou R$ 66,2 bilhões. O aumento nos preços dos imóveis colaborou para o crescimento no volume de recursos emprestados, apesar da redução em quantidade.

Os financiamentos pelo SPBE são para compra de imóveis avaliados em até R$ 500 mil. O valor do empréstimo é limitado a R$ 450 mil e a taxa de juros máxima é de 12% ao ano mais TR (Taxa Referencial).

Nos últimos 12 meses, entre novembro de 2011 e outubro de 2012, foram financiados 460,3 mil imóveis, número 4,8% inferior ao resultado consolidado nos 12 meses anteriores. Durante o período, foram liberados R$ 81,2 bilhões, 6,4% a mais do que o resultado registrado entre novembro de 2010 e outubro de 2011.

"Apesar do desempenho menos expansivo deste ano, comparativamente ao de 2011, a variação positiva dos últimos 12 meses sinaliza que o crédito imobiliário continua mantendo dinamismo, registrando volume de empréstimos superior a R$ 81 bilhões, o que representa crescimento de 6,4% em relação ao período precedente", disse a entidade em nota.

Durante outubro, os empréstimos imobiliários concedidos com recursos das cadernetas de poupança atingiram R$ 7,56 bilhões, 9% a mais do que em setembro e 24% a mais do que o valor registrado em outubro do ano passado.

No mês, foram financiados 39,3 mil imóveis, aumento de 4,2% em relação a setembro e de 3,8% comparado a outubro do ano passado.

O governo anuncio hoje medidas para estimular o setor de construção civil, buscando fomentar o investimento para acelerar o crescimento da economia. As medidas incluíram desoneração da folha de pagamentos e financiamento mais barato pela Caixa Econômica Federal.

POUPANÇA

Em outubro, os depósitos nas cadernetas de poupança superaram os saques em R$ 2,17 bilhões, melhor resultado para o mês de outubro desde 1994, ano em que o Real foi instituído.

Em termos acumulados, a captação líquida entre janeiro e outubro foi positiva em R$ 27,1 bilhões, quase três vezes o montante de R$ 9,4 bilhões apurado em todo o ano passado.

"O excelente comportamento dos depósitos de poupança, neste ano, traduziu-se num saldo das cadernetas do Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE) de R$ 375,1 bilhões, em outubro, alta de 15,1% comparativamente a outubro do ano passado".


Fonte: O Estado ce
 

O Pregador Copyright © 2011 | Template design by O Pregador | Powered by Blogger Templates